16/02/2012

Restaurante Camarada Camarão- Rio Design Barra

        Para quem já foi a Natal e conhece o Restaurante Camarões, vai ficar fácil entender a proposta do Camarão Camarada.O grupo iniciou suas atividades gastronômicas com a rede Camarão & Cia. Depois vieram os dois restaurantes de Recife. Recentemente, inaugurou a unidade do Rio, no Shopping Rio Design, na Barra da Tijuca. Oferecem, assim como o primo potiguar, uma dezena de pratos em que a estrela principal é o camarão. Tem de tudo quanto é tipo: a milanesa, com castanha de caju, com gergelim, na moqueca, na moranga, com fettuccine, acompanhando risotos etc.Os pratos podem ser para duas ou três pessoas (à grega ou piamontese). De entrada fomos no antepasto, oferecido a R$ 23,90, com tomates grelhados com alecrim, pasta de grão de bico (homus terrine), ceviche, camaroes sobre cama de azeite e mussarela de bufala com manjericao, acompanhados de uma cesta de pães. Eita mix bom!



   Três pratos já pude experimentar por lá: o "Crocante com Gergelim" (R$ 89,00), "ao Catupiry" e o "Crocantes na Castanha de Caju e Risoto de Carne Seca" (R$ 93,00). Todos para duas pessoas. O "Crocante com Gergelim" foi o que mais me agradou. Acompanha risoto de palmito. O "Ao Catupiry" é gratinado ao forno, com camarões nadando no Catupiry, o que torna o prato um pouco enjoativo. O crocante na castanha de caju é ótimo mas o risoto de carne-seca poderia ter um pouco menos de queijo coalho. Em todos os pratos, entretanto, os camarões são extremamente saborosos, crocantes e secos (quando fritos), com tamanhos ideais.
Crocante na Castanha de Caju e Risoto de Carne Seca
      O ambiente também agrada, contando com objetos da cultura nordestina.
   O serviço é eficiente, com os garçons explicando detalhamente todos os itens do menu e sugerindo pratos.
     



Rio Design Barra

Avenida das Américas, 7.777
lojas 643, 644 e 645 / Barra da Tijuca
Telefone / Reservas:
21 3325-9882
Horário de Funcionamento:
Todos os dias:
12h até o último cliente

Fernando de Noronha -outros passeios e atividades (parte 6)


1) Ponta da Air France



Passando o Porto, continue seguindo um pouco mais. É o ponto de encontro do Mar de Fora com o Mar de Dentro. Tem-se uma vista completa das ilhas secundárias.No local funcionou uma antiga base de apoio para os vôos no Oceano Atlântico, a cargo dos franceses, daí o nome.Atualmente, está instalada a Associação de Artistas e Artesãos Noronhenses, no chamado "Espaço Cultural Air France".Muito mal conservado, diga-se de passagem.Aliás, falando em conservação, a maioria dos espaços culturais, igreja, contruções históricas e placas são extremamente mal conservadas. A revolta é grande quando pensamos nas altas taxas que pagamos para permanência na ilha.

No caminho para a Ponta da Air France, existe uma igrejinha, no alto de uma ladeira, que proporciona otima vista para a região do Porto.A igreja, em si, fica fechada durante todo o ano, exceto no dia de São Pedro.





2) Museu dos Tubarões




Localizado nas proximidades do Porto Santo Antonio, o Museu dos Tubarões expõe fotos, arcadas dentárias, espinhas dorsais e conta curiosidades da espécie que mais desperta curiosidades no mar.O Museu também conta com uma cozinha que serve o famoso tubalhau que, como o nome sugere, é um bolinho feito com carne de tubarão.Outros pratos feitos com a "iguaria" também podem ser degustados por lá. A entrada é gratuita.

3) Mergulho com cilindro

Como já dito, acho que Noronha vale muito a pena mesmo que você não faça um mergulho com cilindro.Mas se o fizer,  programe-se porque a duração do mergulho pode chegar à metade de um dia. E prepare o bolso porque o mergulho em Noronha é um dos mais caros do mundo, cerca de R$ 290,00 por 25 min (batismo). A operadora mais antiga e famosa é a Atlantis Divers, com loja perto do bar do Cachorro, no centro da Vila dos Remédios. É a mais bem estruturada também. As outras duas são a Noronha Divers e a Águas Claras.



4) Plana sub ou Aqua sub

Uma das invenções mais incríveis e simples é a grande atração do mar de Noronha. Trata-se de uma pequena prancha com um formato que lembra um boomerang. Você será puxado por um barco segurando a prancha e estará usando máscara e snorkel. É muito fácil manusear a prancha. Inclinando para baixo, você fará manobras dentro d'água e para cima você voltará para a superfície Mas não desça muito se não tiver habilidade para mergulhar, porque há o problema da pressão nos ouvidos. É preciso equalizar para descomprimi-los. Requer habilidade também com o snorkel e a máscara.



A atividade é contratada separadamente (R$ 85,00 por pessoa) mas se fizer um passeio de barco, alguns já a incluem no seu preço, sendo mais vantajoso do que pagar separadamente.

5) Passeio de barco

Existem várias opções de passeios de barco e varias embarcações disponíveis no Porto. Optei pela Trovão dos Mares II, por ser maior e já incluir no seu preço o Aquasub e almoço a bordo.Em setembro de 2011, o passeio custava R$ 150,00 por pessoa. A duração é cerca de 5 horas porque inclui uma parada para mergulho e almoço no Sancho, além do tempo gasto com o Aquasub. O pagamento é só em cheque ou dinheiro.Ouvi também ótimos relatos do passeio feito no entardecer do dia, denominado "Entardecer Noronha" que custa os mesmos R$ 150,00, com peixe e bebida inclusos.
Os marinheiros, na saída, já vão informar onde estão os golfinhos. Muitas vezes estão logo na saída do Porto. Prepare a câmera porque a embarcação não vai parar para você tirar fotos.Geralmente eles se aproximam da proa.O percurso é do Porto até a Ponta da Sapata, percorrendo todas as praias do Mar de Dentro.

Golfinhos na saída do Porto Santo Antonio


Formação rochosa com um vão que lembra o Mapa do Brasil na Ponta da Sapata
Mergulho no Sancho



Não fiz e não ouvi bons relatos da Navi, uma embarcação futurista, com chão de vidro, para que se possa observar o fundo do mar.



Fernando de Noronha - praias Mar de Fora (parte 5)

Com tempo de sobra, comece agora a explorar as praias do Mar de Fora. Em geral, na época do ano em que as do Mar de Dentro estão com as águas calmas (abril a outubro), as do Mar de Fora estão bem agitadas. Mas algumas do Mar de Fora, por serem praticamente uma baía, como a do Sueste, não chegam a ter ondas mesmo nessa época, apresentando um mar somente um pouco mexido.As principais praias do Mar de Fora são:


1) Sueste


A de mais fácil acesso é  praia ou Baia do Sueste. Aliás, é a de mais fácil acesso de toda a ilha, estando de carro, táxi ou onibus. Isso porque ele fica colada as margens da BR. Então, considere-a como um coringa, podendo encaixá-la no seu roteiro no dia em que melhor lhe convier. A praia fica exatamente no fim da BR, na direção do aeroporto.O grande atrativo é o mergulho para se observar tartaruga marinha e tubarão-limão (canto direito).
Área do mergulho - canto direito

A primeira dica é solicitar na sua pousada a "Tábua de Marés" da ilha, porque o mergulho no Sueste só acontece com a maré alta.O uso de coletes no local também é obrigatório para impedir que se pise nos corais, que serve como alimentação para a fauna local.O aluguel do colete custa R$5,00 (set 11) no quiosque na própria praia. Ali também é possível alugar-se a máscara e  pé de pato, caso você nao tenha fechado anteriormente um pacote para vários dias.Eles também alugam a câmera subaquatica, a um custo de R$ 50,00 por dia, com direito a CD gravado com as imagens e videos que você fizer. No local existem vários guias que fazem o mergulho individualmente ou em grupo. O custo é de R$ 40,00 por pessoa ou R$ 60,00 para duas(set 11). Mesmo que você se ache um expert na agua, acho que vale a pena contratar um desses. Isso porque a água é um pouco turva e perceber o ponto exato onde estão os tubarões ou as tartarugas não é algo muito fácil. Os guias locais vão te mostrar o local exato onde eles estão e tirarão fotos para você.Ah.. e  não se preocupem, porque os tubarões por lá estão sempre bem alimentados e não oferecem riscos.
Saindo da Baía do Sueste na hora do almoço, uma boa opção é o restaurante da Pousada Maravilha, logo ali do lado. Para isso de uma lida no post 2 de Noronha.

2) Praia do Leão



Recebe esse nome pela enorme formação rochosa no mar que lembra a imagem de um leão-marinho (use a imaginação).Considerada como uma das praias mais bonitas da ilha e do Brasil, é conhecida também como área de desova de tartarugas marinhas, ficando restrito seu acesso no período entre abril e julho, após as 18h. A praia é deserta e seu acesso se dá por uma estrada que parte da praia do Sueste. Lembrando novamente que na época do ano em que o Mar de Dentro está calmo, a Praia do Leão e outras do Mar de Fora estarão agitadas. Portanto, se vires o Sancho e Porcos com águas calmas, dificilmente verás a praia do Leão da mesma forma.



3) Praia da Atalaia

O acesso se dá por uma trilha que tanto pode ser curta (50 min) ou longa (4 horas).Ambas requerem autorização do IBAMA.  Tem que ficar atento também à Tábua de Marés porque as visitas só rolam na maré baixa. Cada visitante só poderá permanecer meia hora na praia com acompanhamento obrigatório de um guia. Nas pousadas é fácil contratar os guias, que já deixam agendados e solicitam autorização para o IBAMA. O numero de pessoas por dia é bem limitado. Portanto, se pretende fazer a trilha, o bom é reservar com antecedência.É uma visita bem burocrática.
O principal atrativo da praia é a formação de varias piscinas naturais que propiciam um ótimo mergulho com snorkel.