11/10/2011

Buenos Aires - Argentina (parte 6)

6) Roteiros e atrações turisticas

             Antes de se pensar num roteiro, é fundamental conhecer duas questões essenciais: se é a sua primeira vez na cidade e quantos dias você ficará . Muita gente diz por aí que "Buenos Aires se faz em 3 dias." Para uma primeira visita, se a intenção for somente conhecer os principais pontos turísticos, com um pouco de esforço você consegue. Agora, se pretende conhecer um pouco mais a cidade, o estilo de vida dos portenhos, fugir do "roteiro turistão", você precisará de pelo menos uns 5 dias.

 Centro ou Microcentro

 >>> Plaza de Mayo , onde ficam:

* Casa Rosada -sede do governo argentino


* Catedral Metropolitana -onde se encontram os restos mortais do argentino Gal San Martin, libertador de alguns paises da America do Sul.

* Cabildo - espécie de administração municipal das cidades coloniais, instituido durante o período colonial da América Espanhola. Hoje, funciona como Museo Nacional del Cabildo y la Revolución de Mayo, já tendo sofrido varias alterações na sua estrutura física.

 >>> Café Tortoni. ( Avenida de Mayo, 825) Café mais antigo (1858) e tradicional de Buenos Aires:  Da Plaza de Mayo, siga pela Av. de Mayo por um pouco mais de 3 quadras, passando a esquina com a Rua Esmeralda. Logo avistará, à sua direita, o letreiro do Tortoni. Entrando, a impressão é de se ter voltado no tempo.Se perca nos vitrais do teto e das paredes. Peça qualquer coisa apenas para justificar sua presença ali.Um capuccino lhe custará cerca de R$ 9,00 e, um café, por volta de R$ 5,00 o simples e R$ 7,00 o duplo(jun/2011) Ah... " Submarino" nada mais é do que leite com uma barra de chocolate imersa.


>>>>>  Teatro Colón (Cerrito, 628)- Depois de uma longa reforma, o teatro considerado um dos melhores do mundo está com suas portas abertas. É umas das atrações imperdíveis da cidade.O ideal seria conhecê-lo durante um espetáculo. Mas se você é daqueles que não tem paciência para música clássica ou dança, agende uma visita guiada  através do site do próprio teatro: http://www.teatrocolon.org.ar/es/index.php?id=visitas. É cobrada uma contribuição de cerca de 110 pesos, paga também pelo site. Por cerca de uma hora você conhecerá toda a história do teatro, curiosidades de sua construção e personalidades que por lá passaram, além de conhecer todos os seus salões (destaque para a Sala Dourada).Em feriados ou fins de semana, o agendamento e pagamento prévio são imprescindíveis.


>>>>> Obelisco - Não precisa  ir perto dele apenas para tirar uma foto do cartão postal da cidade. Na frente do Colón ou da Plaza de Mayo você pode fazer isso.

>>>>>> Plaza San Martin com  Torre Monumental - uma das praças mais bonitas da cidade com vista para a Torre Monumental (antiga Torre dos Ingleses).

>>>>>>Calle Florida ou Rua Florida - rua de comercio mais famosa da cidade com diversas lojas de decoração, roupas de frio e artigos esportivos.Vale a visita à loja Falabella, de artigos para casa. Cuidado com os pertences e dinheiro porque ha relatos de furto pela redondeza.

>>>>>> Galerias Pacifico - fica na própria Rua Florida. Algumas lojas internacionais e outras locais. Não deixe de apreciar as pinturas feitas no teto do predio no vão central.


        As atrações do Centro podem ser todas visitadas durante um dia inteiro. Verifique o horario de disponibilidade da visita guiada do Teatro Colon ( se for faze-la) e encaixe as outras atrações. Deixe a Rua Florida com a Galerias Pacifico por ultimo para evitar ficar levando sacolas durante o roteiro. O ideal é começar pela Plaza de Mayo (ver como chegar no post "meios de transporte"), tomar um cafe no Tortoni, pegar um taxi ate o Teatro Colon, almocar pelas redondezas (ver post de restaurantes no Centro), visitar a Plaza San Martin e, logo ali ao lado, bater perna na Rua Florida.


RECOLETA

         Voce visitará:
  >>>>>  Cemiterio da Recoleta - Acredite, mas o cemitério lá é um ponto turístico, principalmente o jazigo de Evita Peron. 




         


>>>>> a Igreja N. Sra do Pilar (Basilica Nuestra Senõra del Pilar)
>>>>> a flor mecânica (floralis generica- flor de metal que se abre e fecha conforme o horario do dia)


 >>>>> a Rua Alvear (com lojas de grifes internaciomais),  o Shopping Buenos Aires Design (artigos para a casa com destaque para a loja de casa "Morph") e o Shopping Patio Bullrich 



         Aos sábados e domingos existe uma feirinha de artesanato na praça principal. Dê preferencia à feira dos sábados para poder visitar a Feira de San Telmo no domingo.
         Faça o cemiterio, a Igreja e o Shopping Buenos Aires Design. Tire uma foto no gramado na parte de trás da Igreja com o letreiro do Shopping . Vá ate a flor mecanica. Tire umas fotos e perca uns minutos no gramado que a cerca. Siga ate a Rua Posadas e almoce em um restaurante por lá. Faça a digestao batendo uma perna no Shopping Patio BullRich (antigo local de negociação de bois).


PALERMO

1)Bosques de Palermo
2) Rosedal-  um dos locais mais bonitos, com inumeras especies de flores.
3) MALBA - Museu de Artes Latino-Americana de Buenos Aires (onde estão obras de Candido Portinari, Frida Kahlo, Diego Rivera e o famoso quadro de Tarsila do Amaral, "Abaporu", além de outras obras de artistas portenhos e estrangeiros. Entrada custando 20 pesos.Visite a lojinha do museu e conheça o agradavel café-restaurante por eles mantido. (ATENÇÃO - até OUT/2012 as principais obras estão emprestadas a um museu americano)
4) Jardim Japones - jardim todo no estilo niponico, bem agradavel, contando ainda com um restaurante japonês dentro.
5) Jardim Botanico - fraquinho, podendo ser dispensado se não houve tempo.
6) Jardim Zoológico - uma ótima atração para as crianças e adultos também.O Zoo é bem grande levando-se pelo menos umas 3 horas se quiser conhecer todas as atrações.













6) Não deixe de caminhar pelas ruas do bairro (Palermo Soho), nas redondezas da Plaza Cortazar, Rua Gurruchaga e Honduras.Diversos bares, restaurantes, lojas de roupa e de casa. Dê preferência a sabado a tarde, que é quando o burburinho acontece por lá..

SAN TELMO

A principal atração é a feirinha no estilo mercado das pulgas(antiguidades) aos domingos, conhecida simplesmente como Feirinha de San Telmo. Mas o melhor mesmo são os arredores da feira, onde lojas e novos artistas também expõem suas artes, em pequenas barracas ou até mesmo no chão. 

Se tiver com tempo, outra atração no bairro é o Museu El Zanjon.

PUERTO MADERO

É o bairro que recebeu o maior investimento do governo para revitalização do antigo porto da cidade, com projetos de arquitetos e designers famosos como Phillppe Starck. Ande beirando o Rio da Prata pelo deck  na frente dos restaurantes e atravesse a Puente de la Mujer (ponte da mulher). Se tiver um tempo, conheça a Fragata Presidente Sarmiento (ancorada perto da ponte) e a Coleção de Arte Amalia Lacroze de Fortabat. Na coleção de 230 peças, estão obras de artistas como Salvador Dalí, Rodin, Klimt, Chagall, Andy Warhol, Miró, Xul Solar e Antonio Berni. (Rua Olga Cossettini 141- 3a a domingo de 12h às 21h - entrada: 20 pesos)

LA BOCA

As principais atrações são o Caminito (pequena e estreita rua com casas com fachadas coloridas) e o estádio do Boca Juniors (La Bombonera).Cuidado porque a região é a mais relatada nos furtos contra brasileiros na cidade.
Da para ir caminhando do Caminito até a Bombonera. São apenas 2 quadras.
Na Bombonera compre o passe para o museu. Apesar de não ser nada de extraordinário, os fanáticos por futebol irão gostar..Existem dois passes: museu+ acesso a um parte do estadio (suficiente) ou museu+ acesso a todo o estadio.(A$50 e A$ 55,00)


Outras atrações conhecidas na cidade são:

>>>>Espaço Marino Santa Maria
>>>>Ateneo Libreria - Considerada, pelo The Guardian, como a segunda livraria mais bonita do mundo, a Ateneo já abrigou um célebre Teatro. Sua arquitetura é fantástica. 





>>>>Palácio San Martin
>>>>Shopping Paseo Alcorta
>>>>Shopping Alto Palermo
>>>>Passeio ao Delta do Tigre via Tren de La Costa
>>>> Zoologico de Luján /http://www.zoolujan.com/
>>>>Passeio ate Colônia do Sacramento -Uruguai (clique aqui para o post de Colonia)


* Tendo em vista a alta inflação de preços na Argentina, os preços divulgados rapidamente se tornam defasados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário